7 Dicas para uma boa Gestão Fiscal

Para ter uma Gestão Fiscal do seu negócio, separamos sete dicas valiosas que pode te ajudar!

...

Os sistemas ERP facilitam a integração do fluxo de informações entre todas as áreas da empresa, permitindo soluções e informações com base em um único banco de dados que interage com todos os aplicativos do sistema, eliminando redundância e redigitação de dados, assegurando a integridade das informações obtidas, oferecendo um conjunto de módulos que são pacotes funcionais individualizados para cada unidade de negócio dentro da organização sendo elas contábil, financeiro, planejamento e controle da produção, administração e materiais e etc.

 

A parametrização trata-se de um trabalho preventivo que reduz drasticamente erros nos documentos fiscais, a possibilidade de autuações, o tempo gasto com a emissão e escrituração dos documentos, a apuração dos tributos e o cumprimento das demais obrigações acessórias.

 

Para realizar uma boa gestão de compras, é preciso que a área responsável, possa acessar as informações de produtos em estoque, a quantidade de vendas realizadas, os custos de produtos e a relação dos fornecedores e vários outros indicadores, da forma mais fácil e rápida possível. Quanto melhor o sistema para otimizar tais informações, melhor será a gestão de compras.

 

A revisão nas parametrizações tributária pode ser utilizada como ferramenta para identificar onde a empresa está pagando mais tributos do que deveria. A partir disso, é possível redirecionar o capital, fazendo novos investimentos estratégicos e contribuindo para a expansão da companhia. Além disso, mudanças na legislação podem alterar os cenários prévios, modificando a tributação. Por esse motivo, a revisão tributária preza pelo bem econômico do seu negócio, não somente para respeitar as leis vigentes, mas também para pagar apenas o que é justo.

 

Utilizar benefícios fiscais permite que as empresas economizem com tributos, realizem novos investimentos e apoiem diversas causas sociais, o que constitui uma ótima oportunidade de crescimento e desenvolvimento da empresa.

 

Outro passo fundamental para ganhar mais eficiência no controle das demandas fiscais é automatizar processos. Contar com um sistema de gestão integrada, também conhecido como ERP (do inglês, Enterprise Resource Planning), é ideal para aumentar a produtividade e reduzir erros e custos no controle fiscal.

 

De nada adiantaria uma empresa rica em informações corretas, porém sem um bom profissional para orientar quais rumos tomar com esses dados. O contador tem o papel de Médico Financeiro da Empresa, e como todos nós precisamos ir regularmente a um médico a empresa precisa de um bom contador ao seu lado para garantir um bom resultado financeiro